O tempo passa e, consequentemente, os consumidores mudam de comportamento. Isso faz com que o mercado mude, ou seja, o marketing também não é o mesmo. E graças a essas mudanças, existem as eras do marketing. Ao longo dos anos, é possível observar uma evolução no comportamento do consumidor. E o mercado precisa se adaptar para atender diferentes demandas. Portanto, empresas foram obrigadas a modificar suas estratégias de marketing para buscar soluções que convergissem em uma linguagem correta para cada fase. E essa evolução foi divida em três eras do marketing. Leia também: O que é marketing de performance?

Marketing 1.0

Conhecido como a Era dos Produtos, esse marketing tem como foco o desenvolvimento de produtos funcionais e na sua massificação.  Os produtos eram concebidos de forma que os consumidores precisavam se adaptar. E as empresas não faziam nenhum esforço para atender aos seus desejos. Um exemplo é a época da fabricação dos primeiros carros da Ford. Nessa época, Henry Ford chegou a declarar uma frase que ficou muito famosa e que resume esse cenário: "O cliente pode ter o carro na cor que quiser, contanto que seja preto".

Marketing 2.0

Dando um passinho para frente, as empresas passaram a ter uma preocupação maior em conhecer e satisfazer o consumidor. Isso graças a era da informação, que deixa tanto o consumidor quanto a empresa expostos a milhares de opções disponíveis de produtos. Além de fornecerem milhões de maneiras para se informar. Por meio da segmentação dos mercados, as linhas de produtos se diversificam apresentando mais variações e foco na qualidade. Comparando com a primeira das três eras do marketing, é possível ver a virada, sendo essa a Era do Consumidor.

Marketing 3.0

Agora, é preciso reconhecer o consumidor como algo a mais do que um simples comprador. Há preocupações coletivas e ambientais que aspiram por uma sociedade melhor. Com isso, as empresas passam a se preocupar mais com o mundo, abraçando causas em defesa da sustentabilidade, por exemplo. Por isso, essa é a conhecida Era do Valor, entre as eras do marketing. O consumismo já não é mais o dominante. O marketing então deixa de tratar os seus consumidores apenas como consumidores. E passam a trata-los como pessoas que buscam muito mais do que produtos. Buscam experiências que proporcionem sensações incríveis e que beneficiam a sociedade. Leia também: Aprenda como melhorar suas campanhas de marketing de influência

As eras do marketing e o mercado 

Mas você deve estar se perguntando como a preocupação com os valores pode contribuir para a criação de novas estratégias de marketing. De acordo com o professor Philip Kotler, esta última entre as eras do marketing também possui divisões. Assim, é possível vermos que, com o passar do tempo, a história do marketing se confunde com a evolução do contexto histórico e social. Surgindo, assim, as eras do marketing. Cabe aos profissionais aprofundarem na compreensão da mente, do coração e dos sentimentos dos consumidores. Garantido, então, o sucesso dos produtos e serviços que oferecemos ao mercado. Leia também: Influenciadores do YouTube criam novas regras de marketing FONTE

Sobre nós

A influu é o ecossistema feito para influenciadores digitais. Com foco na monetização e profissionalização dos novos formadores de opinião, a empresa se divide em três áreas: criação de conteúdo para o blog, redes sociais e YouTube, realização periódica de eventos por todo Brasil e mediação entre influenciadores e marcas para campanhas de marketing.

Para entrar em contrato, mande um e-mail para [email protected]

Guilherme Pin

Jornalista, aspirante a crítico e roteirista de filmes, youtuber nas horas vagas e o Chandler M. Bing da roda de amigos.