Em diversas situações, há diversas narrativas igualmente corretas para escolher. E, claramente, você deve escolher a que funciona melhor. Nesse caso, como decidir que modo de pensar deve internalizar? Tranquilo. Basta usar a história que transmita a melhor versão de você mesmo. Mas que ainda, claramente, seja verdadeira. Além disso, na maioria dos aspectos da vida, estar certo não é o mais importante. Na realidade, a única área em que a verdade importa intrinsecamente é a filosofia moral. Nas outras áreas, temos mais razões. Se essas crenças representam o mundo corretamente, não importa estritamente. Há consequências de nossos pensamentos que são muito mais importante que a precisão total. Por isso, é fundamental ter consciência do que for retratar em vídeos ou publicações. No fim das contas, uma pessoa é o produto de seus próprios pensamentos. Aqueles que empregam as melhores atitudes são, em geral, os que realizam as melhores ações. Leia também: Entenda a importância da sua reputação como influenciador Caso você não esteja ciente da influência que o seu diálogo interno tem em sua vida e da reversibilidade do efeito, você está se enganando com as alegrias da vida.

O modo de pensar 

Saiba que isso não significa iludir a si mesmo ou usar a inteligência da maneira errada. Porque, pense assim: o que são pensamentos? A cognição humana nunca evoluiu para a precisão. A evolução não nos programa para a verdade, mas sim para a sobrevivência. Lembre-se que o ponto de nossos pensamentos é prático. E não epistemológico. "Estar certo" só é valioso para esse fim, mas não para o objetivo final. Por extensão, não devemos avaliar o conteúdo de nossas crenças sobre se elas estão certas, mas sim sobre o quão bem elas fazem nossas vidas seguirem. Em questões normativas, a verdade é decisiva. Leia também: Influenciador de conteúdo x imagem: qual é o melhor?

Concentre-se nas consequências 

Ao influenciar conscientemente nossos pensamentos, não passamos de uma percepção objetiva para uma "mentira". Mas simplesmente de uma maneira de ver as coisas para outra. Por isso, não use o realismo como desculpa para fugir até uma narrativa que, no final, não serve para você. Saiba que nossa percepção do mundo se torna maleável. Com isso, podemos aproveitar, concentrando-se não no conteúdo, mas nas consequências do entretenimento. Leia também: Como ser relevante em várias redes sociais? É mais útil pensar em maneiras que o impulsionem ao invés de pensar em coisas que o prendem. Algumas perspectivas são fortalecedoras, enquanto outras são limitantes. FONTE Sobre nós A influu é o ecossistema feito para influenciadores digitais. Com foco na monetização e profissionalização dos novos formadores de opinião, a empresa se divide em três áreas: criação de conteúdo para o blog, redes sociais e YouTube, realização periódica de eventos por todo Brasil e mediação entre influenciadores e marcas para campanhas de marketing.

Para entrar em contrato, mande um e-mail para [email protected]

Guilherme Pin

Jornalista, aspirante a crítico e roteirista de filmes, youtuber nas horas vagas e o Chandler M. Bing da roda de amigos.