Frequência é realmente importante no YouTube?