YouTube e Vimeo: qual plataforma é melhor?


Para quem produz vídeo, é crucial hospedar o conteúdo em alguma plataforma que dê todo o apreço e o sucesso procurado. Atualmente, há diversas maneiras de fazer isso. Porém, existem duas plataformas que se destacam: YouTube e Vimeo.

Os dois funcionam como sites de armazenamento de vídeos e são os mais populares. Apesar de muitas semelhanças, ambos têm diferenças que permitem o destaque um do outro. Especialmente na questão de público e ganhar dinheiro.

De primeira, é fácil falar que o YouTube é o melhor lugar devido a popularidade. Porém, é necessário levar em consideração outros fatores para você, criador, encontrar a melhor maneira de divulgar seu conteúdo.

Mesmo com a popularidade do YouTube, o Vimeo não está ligado diretamente à quantidade, mas sim à qualidade. Lá, é comum haver vídeos de profissionais, produtoras e fotógrafos, por exemplo. Portanto, vamos mostrar aqui pontos cruciais que devem ser levados em conta na hora de escolher entre YouTube e Vimeo.

Leia também: YouTube Music e Spotify: Qual streaming é melhor?

Audiência

Hoje, o YouTube é o maior site de compartilhamento de vídeo. Isso vem muito do fácil acesso, tanto que a plataforma se tornou o segundo maior buscador da web, perdendo para o seu dono, o Google.

Pela qualidade mais profissional de vídeos, o Vimeo recebe um curadoria mais nichada e organizada. Por isso, acaba não sendo tão conhecido aqui no Brasil, porém é bem cotada internacionalmente. Principalmente pela qualidade dos vídeos.

Pela curadoria um pouco mais rígida, há um número menor de conteúdo. Consequentemente, há menos produtores, o que diminui a concorrência. No entanto, a exigência de qualidade é maior.

Um fator que influencia bastante a audiência são os vídeos. E o YouTube apresenta a inconveniente propaganda de cinco segundos antes de cada vídeo – que agora pode ser evitada com o YouTube Premium. O Vimeo, por sua vez, apresenta banners nas páginas dos usuários gratuitos, mas sem propagandas durante os vídeos.

Outra coisa é o nível dos comentários. Por ser mais “terra de ninguém”, o YouTube é recheado de comentários com ataques ofensivos. Por outro lado, no Vimeo, os comentários possuem um estilo mais construtivo. Mas quanto a audiência, fica difícil definir concretamente qual plataforma será a melhor. Depende muito do seu conteúdo e com que tipo de público que ele conversa mais.

Liberdade artística

Como as duas plataformas prezam pela publicação de conteúdos, ambas possuem uma política madura e com base na segurança.

Ainda assim, o Vimeo consegue ser mais tolerante, desde que não seja snuff films (com mortes reais). Caso haja algo que ultrapasse os limites, mas que ainda seja em prol da arte e proposital, a plataforma considera o conteúdo válido. E isso mexe com a qualidade.

Quanto a qualidade da imagem, o YouTube é ilimitado. Inclusive na publicação de vídeos. No Vimeo, por exemplo, usuários não pagantes possuem um limite de upload por semana. Entretanto, os dois possuem grandes semelhanças no quesito exibição. Até porque YouTube e Vimeo possuem players com funções parecidas. Nesse caso, tanto em um quanto no outro há a área de comentários, botão de gostei, favoritos e assistir mais tarde.

Na construção dos vídeos, os dois oferecem trilhas sonoras. Mas o YouTube consegue ir além, sendo possível adicionar e ativar legendas, editar um vídeo que já foi postado e aplicar filtros. Algo que no Vimeo só é possível em versões pagas.

Leia também: Views ou inscritos: o que é mais importante?

Lucratividade

O YouTube é muito mal visto quando se fala de AdSense. Mas, além dessa forma de ganhar dinheiro com a plataforma, há também o marketing de influência ou venda de cursos. Porém, quando se fala de ganhar dinheiro no YouTube, fazer algo externo é mais garantido.

Leia também: Quantos influenciadores realmente ganham dinheiro?

Já com o Vimeo, as coisas são muito diferentes. Para começar a lucrar com os vídeos, em primeiro lugar é preciso escolher um plano pago específico entre as várias opções. Só depois, você pode escolher entre três opções:

  1. Alugar
  2. Vender
  3. Assinar

Entre YouTube e Vimeo, qual é melhor?

Como mostramos, cada plataforma possui particularidades. O YouTube funciona mais como um serviço de massa, com milhares de publicações e variações de temas. Já o Vimeo é mais restrito, com uma curadoria mais dura com uploads. No fim, decidir entre YouTube e Vimeo não é fácil. Como dito anteriormente, depende muito do conteúdo e propósito de cada usuário.

FONTES 1 2