Volta ao YouTube: dois grandes canais voltarão a ter vídeos


Volta ao YouTube

Dois grandes canais envolvidos em polêmicas anunciaram a volta ao YouTube. Um deles conseguiu encerrar o caso, mas o outro está passando por investigações. Você quer saber quem são eles?

Existem muitos youtuber no mercado brasileiro atual. Entretanto, os com maior número de seguidores começaram no ramo há muitos anos. Destes, três encerraram seus canais ou tiveram problemas com eles em 2020.

Kéfera anunciou o fim do “5 minutos” depois de muito tempo sem postar vídeos. O PC Siqueira deixou o canal depois de ter sido acusado de pedofilia. Rato Borrachudo quase perdeu o direito de postar seus vídeos depois de receber quatro strikes por direitos autorais.

Vamos ver quem volta ao YouTube nos próximos dias?

Rato Borrachudo

A situação do Rato Borrachudo foi tão séria que ele chegou a criar um novo canal no YouTube. Além disso, foram feitos backups para que ele não perdesse toda sua história na plataforma.

O influenciador havia sido acusado de violar as diretrizes de direitos autorais da plataforma. A pessoa que fez a denúncia, entretanto, não colocou todos os fatos na mesma reclamação.

Leia Mais: Rato Borrachudo: entenda porque o canal pode acabar

Por isso, Rato Borrachudo recebeu quatro strikes de uma vez. O YouTube anunciou que, como todas as denúncias eram válidas, a única forma de reverter a situação era se o denunciante retirasse as reclamações.

Se isso não fosse feito, o canal seria desativado. Até semana passada, esse parecia ser o destino do Rato Borrachudo, mas tudo mudou.

Como a pessoa retirou as denúncias, o canal do Rato Borrachudo poderá receber seus conteúdos normalmente e não tem mais nenhum problema com a plataforma.

PC Siqueira

No meio do ano 2020 o influenciador PC Siqueira foi acusado de pedofilia. Tudo aconteceu pelo Twitter, onde conversas supostamente do influenciador foram vazadas. A polícia está investigando o caso, mas PC abandonou o YouTube quando o caso começou.

Leia mais: PC Siqueira é acusado de pedofilia em conversas vazadas

Entretanto, isso não significa que ele tenha sido absolvido. A polícia segue investigando o caso.

Parece que, no momento, ele só postará vídeos antigos.