Vespa Gigante: vídeo de youtuber se torna sucesso


Vespa Gigante

Há um ano o youtuber e apresentador do Animal Planet – Coyote Peterson fez um vídeo no qual ele era picado por uma vespa. Agora que a vespa gigante ganhou destaque na mídia, esse vídeo foi muito visto.

Talvez você tenha lido algo sobre a vespa gigante recentemente. Aliás, é possível que você tenha até mesmo lido o termo “vespa assassina” – coisa que é um exagero.

O que a imprensa notificou – em um primeiro momento – era que os Estados Unidos estava infestado de “vespas assassinas”. Mas não é exatamente isso o que está acontecendo.

Em um momento no qual o mundo se encontra assustado com a pandemia, é fácil causar um certo grau de desespero na população. Especialmente, se as pessoas começam a ver vídeos que mostram cenas como a da vespa gigante – ela pode chegar a 5 cm – matando um rato.

A vespa é capaz de matar um ser humano, entretanto são necessárias múltiplas ferroadas. E é algo que só acontece raramente. O grande problema desse tipo de vespa é o fato de que elas são predadoras de insetos.

Portanto, uma infestação delas pode causar um grande dano para os apicultores.

O vídeo do youtuber

No ano passado, o youtuber americano Coyote Peterson postou um vídeo no qual ele era picado – propositalmente – por uma vespa. Não é uma vespa gigante, mas a dor causada pela picada parece horrível – o vídeo está abaixo e a picada acontece no momento 11:29.

Ele, que se auto descreve como “Rei das Vespas”, tem uma opinião formada sobre a vespa gigante. Para ele, há muito sensacionalismo em volta do tema, pois não há nenhum indício de um problema grave.

Aliás, a realidade é o contrário. Segundo o que ele contou ao TMZ não há com o que se preocupar.

“Nós confirmamos um único vespeiro que – tenham em mente – já foi eliminado. Ou seja, isso não significa que elas estejam se espalhando”.

Além disso, ele afirmou que os pesquisadores estão monitorizando a situação e que é muito improvável que realmente esteja acontecendo uma infestação.

Ele também fez questão de afirmar que a vespa gigante tem a segunda pior ferroada, pois a primeira é a que ele gravou no vídeo. Será?

É possível acontecer uma infestação no Brasil?

Alguns meios de comunicação anunciaram que as vespas estavam a caminho de uma infestação nos países da América do Sul. Mas isso não significa que nós precisemos nos preocupar – afinal, não há nem confirmação de que ela tenham invadido os EUA.

Mas há mais para nos tranquilizar. E isso segundo o vice-presidente do Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas da Universidade Estadual Paulista (Ibilce-Unesp), Fernando Barbosa Noll.

Em declaração para a revista IstoÉ, ele disse que essa vespa precisa de climas frios.

“Não temos essa vespa e entendemos que o clima deve ser um fator limitante para esse inseto chegar ao Brasil. Claro que todo tipo de introdução é preocupante. Se isso ocorrer aqui será um problema. Mas a interpretação que eu tenho nesse momento é que dificilmente teremos um impacto imediato na América do Sul”.

Fontes 1, 2 e 3