Pular para o conteúdo

Influenciadores do YouTube criam novas regras de marketing

Em 2018, influenciadores do YouTube acumulam milhões de fãs engajados e apaixonados por conteúdo. Isso já os fazem um canal estabelecido para marcas. Mas, cada vez mais, esses influenciadores do YouTube também se tornam parceiros para colaborações.

Contudo, mesmo que clientes achem que essa seja a resposta da era digital, surgem outras questões de negócios.

  • O que isso realmente faz pela minha marca?
  • Devo fazer um colocação de produto?

Apesar de quase todas as marcas terem entrado na onda do marketing de influência, são poucos que entendem como funciona de verdade a “influência”.

Marketing de influência é diferente de marketing de celebridades

A diferença principal já está nos benefícios que os dois oferecem às marcas. Celebridades são mais eficazes em entregar um volume de resposta às marcas. O que faz sentido, já que o trabalho da celebridade, essencialmente, é ser famoso.

Mas, os influenciadores do YouTube encontram a vantagem de ter um envolvimento mais profundo com a marca.

Para o público compreender o trabalho, os valores e os produtos, as colaborações com influenciadores do YouTube são mais eficazes em aumentar a familiaridade com a marca.

Afinal, quando falamos de intenção de compra, pesquisas mostram que influenciadores eram tão propensos quanto celebridades em impulsionar a decisão. Mas, o marketing de influência tende a desempenhar um papel mais pragmático.

Justamente pelo fato de criarem laços mais autênticos com os fãs.

Leia também: Como avaliar o engajamento de um influenciador?

Não é apenas questão de beleza

Marcas de produtos de beleza foram uma das pioneiras em campanhas com influenciadores do YouTube. Cerca de 86% dos 200 vídeos de beleza foram feitos por influenciadores. Porém, não foram feitos por profissionais.

Análises mostraram que trabalhar com influenciadores leva a elevações nas métricas da marca. Além da familiaridade, afinidade e recomendação.

Já no teste em categorias de comidas e bebidas, a intenção de compra foi maior que a média. Isso demonstra como o marketing de influência não é mais só para marcas de moda ou beleza.

“Como” é tão importante quanto “quem”

Com o tempo, o marketing de influência desenvolveu mais opções que o marketing de celebridades. Por isso é fundamental entender quais dessas opções funcionam melhor.

Em pesquisas, foi descoberto que as integrações temáticas com criados de conteúdo geram melhores resultados às marcas. Essas são integrações mais complexas nas quais o influenciador desempenha um papel na criação do conteúdo junto com a marca.

Eles são mais profundos do que os posicionamentos de produtos. E funcionam de forma mais eficaz. Mas, apesar de muitas consistências, ainda há certas nuances.

Foi descoberto que integrações mais simples, como o endosso de um produto ou anúncio, também mostraram resultados positivos quanto a afinidade.

Para determinar objetivos e categorias, a maneira mais fácil das marcas aproveitarem o poder dos influenciadores é veicular seus próprios anúncios no conteúdo dos influenciadores do YouTube. Afinal, pesquisas mostram que isso também pode funcionar.

Resultados mostraram que investimento em vídeo pode ser aumentado em três vezes quanto aos níveis planejados para otimizar a eficácia.

Influenciadores do YouTube estão ajudando a escrever novas regras do marketing

Nos estudos atuais é possível observar uma mudança cultural na natureza da celebridade, autenticidade e comunidade. E isso está sendo impulsionado justamente pelas novas vozes de criadores.

Se empresas não seguirem as novas regras, logo o potencial não será aproveitado.

Para explorar ao máximo essas novas oportunidade de marketing, é preciso estratégia. Por isso, para os disposto a investir, fica claro que o marketing de influência é mais do que um movimento. Mas sim uma poderosa forma de comunicação.

Leia também: Influenciador de conteúdo x imagem: qual é o melhor?

FONTE

17 de junho de 2020

Instagram prioriza fotos com nudez? Entenda o que diz a pesquisa

O assunto de que o Instagram dá prioridade a conteúdo com nudez está ganhando as redes sociais. Isso aconteceu depois do lançamento de um estudo sobre o que é priorizado…

16 de abril de 2019

O que é um dark post?

O Facebook, além de memes e textões de parentes, também possui os dark posts. Pelo nome, parece ser algo macabro ou uma publicação secreta da deep web. Porém, é mais…

8 de julho de 2020

Instagram disponibiliza recurso para fixar comentários

O Instagram anunciou mais uma novidade: agora é possível fixar comentários no topo das publicações do feed. O recurso chega depois de outros lançamentos da rede social - como o…

12 de janeiro de 2021

Humanização de marca nas redes sociais

O que é humanização de marca? Marcas querem consumidores fidelizados. Mas, para isso acontecer, é preciso compreender o que uma pessoa espera de uma empresa. A humanização de marca é…

Rua Teodoro Sampaio, 2767 Sala 22 - Pinheiros, São Paulo, Brasil - CEP: 05405-250
thais@influu.me | imprensa@influu.me
CNPJ:19.354.277/0001-40

© Copyright influu.me - 2021
Todos os direitos reservados