Pular para o conteúdo

Likee: rede social faz sucesso entre crianças e vira alvo de pedófilos

Cada vez mais popular entre o público infantil, a rede social Likee está sendo palco de pedófilos. Concorrente do TikTok, o Likee contabiliza mais de meio bilhão de downloads apenas na Google Play.

Neste post, entenda mais sobre esta rede social e as denúncias de pedófilos que estão agindo por lá. Além disso, saiba como contactar a equipe do app para denunciar ações impróprias.

Mas, o que é o Likee?

Lançada como LIKE em 2017, o app foi desenvolvido em Cingapura e recentemente mudou de nome. Seus desenvolvedores o definem como uma “plataforma global de criação de vídeos curtos, com efeitos especiais de ponta, gravação de vídeo e ferramentas de edição”.

Por essa descrição, não é difícil associá-la ao TikTok, que é bastante popular entre o público mais jovem.

O Likee, por sua vez, faz sucesso entre as crianças. E, essa presença de menores por lá tem feito com que a rede social seja chamada por especialistas em segurança virtual de “paraíso dos pedófilos.

Mas, quais são essas denúncias que estão vindo a público? A seguir falaremos sobre elas.

Pais e crianças denunciam pedófilos

O Likee disponibiliza diversos efeitos, adesivos e filtros e, além disso, a possibilidade de fazer lives. E, apesar de ter restrição para menores de 17 anos, o público infantil está presente nessa nova rede social.

Como o app informa, de maneira automática, a localização dos criadores de conteúdo nas postagens, as crianças que usam a rede social acabam expostas.

Justamente por isso, muitos pais já denunciaram perseguições que pedófilos fazem a seus filhos – seja de forma virtual, com xingamentos, e até de comentários que ameaçam a integridade física dos menores.

Além disso, o Likee não permite perfis privados e tem filtros que possibilitam a busca de usuários por sexo.

Na rede social, crianças denunciam comentários lascivos, além de receberem contato de adultos que enviam nudes pelo chat privado.

Relatos com casos têm ganhado a mídia, como as matérias do Uol e BBC, por exemplo, revelando a necessidade de se falar sobre o assunto e a melhor forma de proteger as crianças nas redes sociais.

Pronunciamento da rede social

Por meio de uma nota, o Likee deu abertura para que os usuários entrem em contato para denunciar conteúdos inapropriados.

“Encorajamos pais e responsáveis de usuários jovens a ter um papel ativo na educação sobre o uso de redes sociais e, em geral, da internet”, diz a nota.

Veja mais sobre as ações que o app tem tomado em relação ao tema no post abaixo:

https://www.instagram.com/p/CD3tjA9pUZ_/?utm_source=ig_embed

Além disso, é possível contatar a rede social através do e-mail feedback@likee.video.

Tags
Compartilhe
18 de dezembro de 2018

YouTube transforma jovens inscritos em novos criadores

Já virou costume dos textos do portal dizerem que o YouTube é, atualmente, um fenômeno. Com bilhões de usuários e recheada de conteúdos, a plataforma hoje também forma novos criadores.…

6 de novembro de 2020

Qual a plataforma preferida no Brasil?

Existem muitas plataformas digitais na atualidade. Os influenciadores digitais trabalham em boa parte das redes sociais. Mas qual a plataforma preferida pelos brasileiros? Saiba mais nesse texto. Na última quinta…

29 de novembro de 2018

Views ou inscritos: o que é mais importante?

O que será que tem mais importância para um influenciador: a quantidade de views ou inscritos? Essa resposta vai depender de outra pergunta: para quem? Para medir engajamento de um…

26 de junho de 2020

Após sofrer boicote, Facebook perde anunciantes

Diversas empresas estão fazendo um boicote ao Facebook e deixando de anunciar na rede social. Nos Estados Unidos, já são cerca de 100 marcas unidas nesse propósito. Mas, por que…

Rua Teodoro Sampaio, 2767 Sala 22 - Pinheiros, São Paulo, Brasil - CEP: 05405-250
thais@influu.me | imprensa@influu.me
CNPJ:19.354.277/0001-40

© Copyright influu.me - 2021
Todos os direitos reservados