fbpx
Pular para o conteúdo

Investigação do Instagram: Europa acusa exposição de dados

A Europa começou uma nova investigação do Instagram. Aparentemente a plataforma voltou a compartilhar dados sem autorização. Mas dessa vez se tratam de dados de menores de idade.

A denúncia para a investigação foi feita em 2019. Ela também foi encaminhada para os Estados Unidos. Mas, por enquanto, somente a União Europeia está tratando o assunto com seriedade.

É preciso lembrar que a Europa está com muitas questões relacionadas a internet. O artigo 13 – que trata dos direitos autorais – ainda gera um grande debate no mundo.

Além disso, o continente foi o primeiro a regulamentar a profissão de youtuber infantil.

Por esse histórico é possível entender o motivo de ser a Europa que está liderando a investigação do Instagram.

Enquanto isso, antes de seguir a leitura, temos uma dica para turbinar os resultados no Instagram e bombar o seu perfil. Veja abaixo o que preparamos para você:

Motivos da investigação do Instagram

A denúncia afirma que o Instagram divulgou dados de mais de 5 milhões de pessoas menores de idade. Isso teria acontecido por uma brecha de segurança da plataforma.

É proibido por lei o compartilhamento de dados de menores de idade sem a autorização dos pais. Por isso, o Facebook – dono do Instagram – não permite que os dados sejam compartilhados.

Entretanto, se esses menores de idade tem contas comerciais, a situação muda de figura.

Quando as crianças colocam suas contas como “comercial”, elas passam a poder compartilhar informações pessoais, inclusive telefone.

O que gera uma questão: o Insagram deveria permitir que crianças tenham conta comercial?

Se a plataforma for condenada a multa pode chegar a 4% do faturamento anual. Ou seja, algo em torno de 3 bilhões de dólares.

A defesa do Instagram

A plataforma se defendeu afirmando ser inocente de todas as acusações. Segundo os representantes, quando você faz a mudança para uma conta comercial, a plataforma pergunta se você está de acordo com o compartilhamento de dados.

Portanto, não é uma situação na qual os dados são compartilhados sem a autorização prévia.

Sempre deixamos claro que quando as pessoas optam por abrir uma conta comercial no Instagram, as informações de contato que elas compartilham seriam exibidas publicamente”, disse o Instagram, em comunicado. “Isso é muito diferente de expor as informações das pessoas”.

Fontes 1 e 2

Teve alguma dúvida na leitura?
Então, deixe nos comentários abaixo e aproveite para compartilhar este artigo nas suas redes sociais.

Facebook Comments Box
4 de agosto de 2021

Bye bye, Fleets: stories do Twitter chegam ao fim

Nesta terça (3), foi dia de dar adeus aos Fleets. E isso porque os stories do Twitter acabaram não sendo tão utilizados quanto o esperado. A despedida, porém, acabou rendendo…

29 de julho de 2021

Inteligência artificial do Facebook vai barrar perfis de crianças

O Facebook tem se empenhado em relação às políticas de proteção a crianças e adolescentes em suas plataformas. E agora, a rede social está implementando inteligência artificial para barrar perfis…

21 de julho de 2021

Nova forma de monetização no YouTube começa a ser testada

Prometida no começo de 2021, a ferramenta que permite a compra direta através de vídeos no YouTube finalmente está sendo testada. O novo mecanismo de monetização possibilita a aquisição imediata.…

20 de julho de 2021

Magazine Luiza expande operações e compra Kabum

Na última semana, o varejista Magazine Luiza anunciou a expansão de suas operações com a compra da Kabum. A empresa é um dos maiores e-commerce do segmento de tecnologia. Referência no mercado digital…

Assine nossa newsletter e receba novidades!