Globo processa Boca Rosa e pede indenização de R$500 mil; entenda


A Globo está processando a influenciadora Boca Rosa. Também conhecida como Bianca Andrade, ela foi uma das participantes do BBB 20.

Neste post, entenda o motivo da emissora processar a influenciadora e pedir uma indenização de R$500 mil.

Leia também: Bianca Andrade lidera Trending Topics ao anunciar programa ‘Boca a Boca’

Globo processa Boca Rosa

O processo da Globo contra Boca Rosa começou a ser movido quando a emissora descobriu uma mentira da influenciadora digital.

Para entrar na edição do BBB20, Boca Rosa omitiu a informação de que integrava o elenco do reality show da Prime Video, “Soltos em Floripa”. E, segundo a Globo, a influenciadora teria quebrado o contrato do BBB, já que escondeu essa informação.

Ainda de acordo com a emissora, ao assinar o contrato do BBB20, em 10 de dezembro de 2019, Boca Rosa não mencionou nada sobre ter gravado com a Amazon, que é concorrente da Globoplay.

Justamente por isso, ao descobrir que ela participava de outro reality, a Globo a processou, solicitando a aplicação da multa de R$ 500 mil.

Além disso, a emissora contou que soube que Boca Rosa participaria de outro reality apenas quando a influenciadora foi eliminada do BBB. Por isso, na ação protocolada no Rio de Janeiro, a Globo alega que Bianca quebrou o contrato ao descumprir a cláusula de exclusividade.

Valor da multa

Mas, por que uma multa de meio milhão de reais está sendo aplicada?

Isso acontece porque o valor foi definido com base na premiação do BBB, que consistia em R$ 1,5 milhão. Dessa forma, o contrato engloba três cláusulas que são as principais: participação no reality, cessão de voz e imagem e a exclusividade.

Cada uma dessas cláusulas prevê uma multa de meio milhão, caso seja quebrada.

Como a Globo alega que Boca Rosa cumpriu apenas as duas primeiras, a multa estipulada ficou em R$ 500 mil.

Fonte