Como criar gifs incríveis para as redes sociais


Você sabia que pode criar e incluir gifs nas suas redes sociais em diversos formatos – e não apenas nos Stories? O feed do Facebook ou mesmo do Instagram suportam esse formato e, por isso, você pode usá-lo a seu favor para aumentar seu engajamento.

Neste post, vamos explicar passo-a-passo o que você precisa fazer para começar a criar posts em gif. E, além isso, vamos mostrar algumas ferramentas que ajudarão você a criar gifs incríveis de maneira fácil e descomplicada. Confira a seguir.

Vantagens de usar gifs

Antes de mostrarmos como você pode criar nesse formato, é importante entender o que de fato é um gif. De maneira resumida, um gif é um dos formatos de imagem possíveis – assim como jpg ou png.

Entretanto, o gif pode ser uma imagem estática ou animada – como se fosse um trecho de vídeo em looping.

As vantagens desse formato é que, apesar de não ser vídeo, ele dá a sensação de movimento. E, por isso, pode ser um conteúdo mais atrativo para os seguidores nas redes sociais.

Além disso, os gifs permitem algumas animações simples e que podem ser feitas com softwares profissionais – como Photoshop – ou mesmo com ferramentas online gratuitas.

Mas, como criar os seus próprios gifs?

Primeiramente, você precisa definir qual o seu objetivo com o gif. Por exemplo, se você quiser usá-lo no WhatsApp ou mesmo no Instagram Stories, precisa entender que o formato será diferente daquele usado no seu feed das redes sociais.

Isso acontece porque nos Stories ou no WhatsApp há como ressaltar os contornos dos gifs, deixando evidente que eles têm um fundo transparente. Já no feed, você precisa planejar como quer usar os recursos para passar a sensação de movimento, mantendo um fundo.

Veja abaixo um exemplo simples que fizemos para a influu:

Nests exemplo, criamos a sensação de movimento usando dois recursos: o texto e as cores. Mas, como fizemos isso? Veja a seguir e aprenda a fazer o seu de forma gratuita e descomplicada.

Passo-a-passo

1 – Definindo o texto e as cores

Primeiramente, defina o seu conteúdo textual e as cores que você quer usar. Caso não saiba como escolher sua paleta de cores, você pode:

  • optar por seguir as cores da sua marca, logo etc;
  • escolher uma paleta de cores na ferramenta on-line Adobe Color.

Se você estiver sem ideias, tente fazer algo como dicas do seu nicho. Por exemplo: 3 aplicativos para editar fotos ou 3 lugares para conhecer, etc.

2 – Escolhendo o tamanho e o editor de imagens

Agora, você precisa pensar onde quer usar esse gif. Será um banner no seu blog? Será um post no feed do Facebook? Isso vai ajudar você a saber o tamanho, ou melhor, as dimensões da arte a ser criada.

Com essa informação em mãos, você precisa usar um editor. Caso tenha o Photoshop, pode usá-lo também. No nosso exemplo de gif, usamos a ferramenta Canva, que é gratuita.

3 – Desenvolvendo as artes

No Canva você verá alguns templates e pode usá-los para se inspirar. No entanto, você também pode criar suas artes do zero.

O importante é pensar no movimento que você quer – por exemplo, nós escolhemos passar a impressão de que o texto está sendo escrito. Para isso, centralizamos o texto e fomos incluindo uma palavra por vez em cada arte. Veja:

4 – Animando para criar o gif

No nosso exemplo, foram necessárias 13 artes. A ferramenta que usamos para a animação foi a Ezgif. Ela é gratuita, pode ser acessada de forma online, sem a necessidade de baixar nenhum aplicativo. No entanto, se você conhecer e usar outra, fique à vontade para fazer com uma ferramenta que você conhece.

Na ferramenta que usamos, nós conseguimos alterar a ordem das artes, duplicar uma mesma arte, além de ajustar o tempo de duração.

5 – Faça os ajustes necessários

Quando você começar a animar as artes, vai ver se está muito rápido, muito devagar ou se está da forma que você pensou. Por isso, vá fazendo teste e ajustando até chegar ao resultado desejado.

No nosso exemplo, optamos por duplicar algumas artes para a sensação de movimento continuar, apesar de estarmos repetindo a mesma informação.

O segredo é ir testando para saber o que funciona para o seu caso.

Gostou da nossa dica e quer ver outras em posts aqui no Blog? Então mande sua sugestão pelo direct, no Instagram da influu.

Fonte