Pular para o conteúdo

Birdwatch: Twitter lança programa contra fake news

O Twitter anunciou um novo programa contra a fake news. O nome dessa iniciativa é Birdwatch. Será que ele será eficiente no combate a desinformação na plataforma?

Não é segredo que há uma quantidade absurda de notícias falsas nas redes sociais. Por isso, essas empresas estão tentando tornar o ambiente online mais saudável e com menos notícias falsas.

Afinal, elas ainda estão tentando se livrar das ameaças de regulamentação, bem como, de possíveis multas. Inclusive o próprio Donald Trump perdeu o acesso aos seus perfis em redes sociais.

Leia também: Trump e o Twitter: o que isso diz para influencers?

Mas como é possível ter controle do que acontece em todo o Twitter. O programa Birdwatch é justamente essa tentativa.

O que é o Birdwatch?

Birdwatch é um sistema onde os contribuidores criam “comentários” sobre desinformação encontrada em tweets. As notas destinam-se a fornecer contexto.

Esses posts não serão visíveis no tuíte, entretanto há um espaço separado chamado birdwatch no qual os usuários podem verificar se há notas de fake news neste post.

Mas isso não deve ser assim por muito tempo. O plano é que os posts tenham um nota afirmando que eles estão desinformando as pessoas. Além disso, há o fato de que o comentário dizendo que o que há de errado na notícia também deve estar disponível.

Dessa forma nenhum usuário poderá reclamar de censura, mas a comunidade saberá que aquilo não é verdadeiro.

As pessoas que vão participar do birdwatch são voluntárias. Mas o Twitter vai validar as participações. Segundo representantes da plataforma:

“O Birdwatch permite que as pessoas identifiquem informações em tweets que acreditam ser enganosas e escrevam notas que fornecem um contexto informativo. Acreditamos que essa abordagem tem o potencial de responder rapidamente quando informações enganosas se espalham, adicionando contexto em que as pessoas confiam e consideram valioso.

Eventualmente, pretendemos tornar as anotações visíveis diretamente nos Tweets para o público global do Twitter, quando houver consenso de um amplo e diversificado conjunto de colaboradores. ”

Por enquanto o programa só funcionará nos Estados Unidos. Mas se ele funcionar, deve chegar em breve ao Brasil. O que você acha dessa iniciativa?

Fonte

14 de dezembro de 2020

Twitter e Snapchat: uma integração para agradar usuários

Existem muitas redes sociais e quem quer começar sua influência digital pode fazer testes em várias delas. Isso gera muito trabalho, mas se depender do Twitter e Snapchat isso pode…

17 de março de 2021

Covid-19 e vacinas: centro de informação é anunciado pelo Instagram

Covid-19 e vacinas no Instagram Há muita informação enganosa sobre Covid-19 e vacinas na internet. Por isso, as redes sociais estão buscando formas para combater essas notícias falsas. Afinal, nós…

19 de novembro de 2020

Facebook e Instagram excluem milhões de posts com discurso de ódio

O Facebook tem combatido publicações que desrepeitem as regras de suas redes sociais. Por isso, a rede social anunciou que removeu 28,6 milhões posts com discurso de ódio. Os conteúdos…

12 de agosto de 2019

Marina Joyce – mais uma vez em perigo

Marina Joyce Se você tem costume de usar a internet há algum tempo, com certeza já ouviu falar em Marina Joyce. A youtuber foi centro de um polêmica em 2016.…

Rua Teodoro Sampaio, 2767 Sala 22 - Pinheiros, São Paulo, Brasil - CEP: 05405-250
thais@influu.me | imprensa@influu.me
CNPJ:19.354.277/0001-40

© Copyright influu.me - 2021
Todos os direitos reservados