Pular para o conteúdo

Austrália: nova lei para redes sociais acende alerta

As redes sociais estão enfrentando um novo desafio na Austrália. Essa situação pode ser um alerta. Afinal, será que os outros países também terão regulamentações como essa?

O Facebook trabalha com anúncios. Ou seja, as empresas podem pagar para que uma notícia apareça para o maior número de pessoas. Por isso, muitas empresas investem nesse serviço.

Em contrapartida, o Facebook afirmou que oferece retorno sobre o investimento.

Entretanto, o governo australiano começou a achar que isso não era o suficiente para pagar pelas notícias dos sites. Aliás, eles acham que os sites estão sofrendo com esse acordo.

Por isso, começou uma briga entre o Facebook, o Google e a Austrália.

Briga e retaliação do Facebook

Quando a Austrália anunciou que o governo começou a debater o novo projeto de lei, o Facebook reagiu. Essa reação foi a proibição do compartilhamento de notícias na Austrália.

Ou seja, os usuários não podiam compartilhar notícias nacionais ou internacionais. Além disso, as empresas de mídia não puderam compartilhar suas notícias no país.

O Facebook e o governo australiano não conseguiram chegar a um acordo sobre o tema.

Austrália aprova projeto de lei

O projeto de lei foi aprovado. Mas o que ele diz? Basicamente, que grandes plataformas como o Facebook e o Google devem pagar para as agências de notícias pelo compartilhamento das reportagens.

Portanto, a Austrália quer inverter a ordem das coisas. Ou seja, as mídias não pagariam as plataformas. Mas as plataformas pagariam as empresas de mídia.

Nick Clegg do Facebook afirmou que não faz sentido cobrar das plataformas. Afinal, elas ajudam na divulgação do serviço.

Por outro lado, a Microsoft afirmou que as empresas de mídia fazem um serviço fundamental para toda a sociedade. Mas elas estão com sérios problemas financeiros. Por isso, a empresa acha que vale a pena fazer esse pagamento.

O que você acha?

Fontes 1 e 2

15 de maio de 2020

Gamer Zenon vai voltar a jogar!

O mundo dos gamers enfrentou uma grande polêmica por causa de uma punição ao gamer Zenon. O garoto de 9 anos estava proibido de jogar Fortnite. Porém, a mobilização nas…

7 de janeiro de 2021

Influenciadora que viralizou perde o direito de usar marca

Imagine só "criar uma marca" e receber uma notificação judicial por isso? Foi exatamente o que aconteceu com uma influenciadora pernambucana. A jovem perdeu o direito de usar a marca…

7 de maio de 2020

Cuidado: youtuber é condenado pela justiça por causa de vídeo

Cuidado com o que você ensina! Querer ensinar coisas para os seus seguidores é muito bom. Mas é preciso ter cuidado. Se os seus ensinamentos forem contrários à lei, sua…

28 de julho de 2020

5 minutos da Kéfera – canal chega ao fim

O canal 5 minutos da Kéfera chegou ao fim. Pelo menos oficialmente. Afinal, já fazia muito tempo que a influencer não produzia conteúdo. Mesmo assim a despedida foi triste para…

Rua Teodoro Sampaio, 2767 Sala 22 - Pinheiros, São Paulo, Brasil - CEP: 05405-250
thais@influu.me | imprensa@influu.me
CNPJ:19.354.277/0001-40

© Copyright influu.me - 2021
Todos os direitos reservados