fbpx
Pular para o conteúdo

As 5 principais produções originais do YouTube Red

Ainda pode ser cedo, mas já podemos dizer que as produções originais do YouTube Red estão virando fenômeno. Presente em alguns países, o novo serviço pago da plataforma está explorando nas séries originais.

Como um diferencial da plataforma aberta, o Red vem fornecendo diversos conteúdos exclusivos. Entre eles, algumas webséries, para bater de frente com grandes do mercado. Como, por exemplo, Amazon e Netflix.

Pela plataforma ser uma das maiores redes de entretenimento do mundo, ela foi em busca do lucro. Lançado em outubro de 2015, o serviço fornece o mesmo que YouTube comum. Porém, com seus diferenciais.

Além da oportunidade de acessar vídeos offline, também é possível assistir sem anúncios – tanto antes quanto durante. E, além disso, as séries.

Ainda com três anos, desde sua criação, algumas de suas produções já estão fazendo sucesso mundo afora. Confira as cinco principais.

Enquanto isso, antes de seguir a leitura, temos uma dica para turbinar os resultados no Youtube e bombar as suas views. Veja abaixo o que preparamos para você:

Cobra Kai

O retorno da história de “Karatê Kid” (1984) marca o principal conteúdo do YouTube Red. Tendo seu primeiro episódio lançado no início do mês passado, a série já conquistou o público e a crítica.

Nessa história, que traz de volta os personagens Daniel Larusso e Johnny Lawrence, a trama é ambientada 30 anos depois do longa original. Aqui, Lawrence é assombrado pelo seu passado e decide reabrir seu antigo dojo. O que renasce a rivalidade entre ele e Larusso.

A primeira temporada conta com dez episódios, e com mais de um mês de estreia, a segunda já foi confirmada. Os brasileiros, que ainda não têm acesso ao YouTube Red, conseguem assistir aos dois primeiros episódios diretamente no YouTube, gratuitamente.

Inclusive, o primeiro já contabiliza mais de 40 milhões de visualizações. E, por isso, já é considerado o principal sucesso do serviço.

Burn The Stage

É incontestável a grandiosidade do grupo coreano BTS. Com clipes que ultrapassam milhões de visualizações, o maior grupo de K-Pop do mundo também está com conteúdo no YouTube Red.

“Burn The Stage” é uma série documental para mostrar tudo dos bastidores da turnê Wings, realizada no ano passado. Igual a Cobra Kai, o primeiro episódio – que ultrapassou 13 milhões de visualizações – está disponível gratuitamente aos brasileiros.

The Night

Como uma espécie dos famosos jogos de Escape, a série, protagonizada pelo youtuber Joey Graceffa, une diversos influenciadores internacionais para uma noite de mistérios.

Durante uma festa, um grupo se reúne para conseguir resolver enigmas aterrorizantes para conseguirem fugir. Assim como acontece com outras produções, alguns episódios são gratuitos. E obviamente ultrapassando os milhões de visualizações.

Game Lab

O youtuber americano Matthew Patrick conseguiu transportar seu conteúdo teórico à prática no YouTube Red. Apaixonado por videogames, ele apresenta uma espécie de reality na nova plataforma.

Nos episódios, ele testa situações dos seus jogos favoritos no mundo real. Contudo, a temporada já está finalizada e conta com nove episódios.

PewDiePie

E é claro que o maior youtuber não poderia estar de fora dessa. Com mais de 63 milhões de inscritos em seu canal, PewDiePie virou o principal nome da plataforma. Já famoso por gameplays de jogos de terror, na série, ele passou a vivê-los. Nessa produção, o youtuber é levado a passar por situações aterrorizantes dentro dos dez episódios da primeira temporada. Ainda sem uma segunda garantida, a audiência não decepciona. A tristeza para os brasileiros, é que nenhum dos episódios está disponível gratuitamente.

Qual será o futuro do YouTube Red?

Criado na intenção de competir com grandes nomes do streaming, o YouTube Red ainda demonstra fraquezas. Apesar de fortes nomes do YouTube, o novo serviço da plataforma ainda não demonstrou alta qualidade nas produções.

Com muitas sendo gravadas em espaços do próprio YouTube e com curta duração – com média de 30 minutos por episódio – muitas ainda trazem características amadoras.

Em partes, algo positivo ao público, mas ainda longe de conquistar no mesmo nível das outras plataformas. Apesar nos números significativos, ainda há muito a se fazer. O primeiro passo dado é demonstrado pelo Cobra Kai. Principalmente por trazer um conteúdo distante de youtubers e com uma história original. Além de explorarem a nostalgia, que, ultimamente vem sendo uma estratégia no audiovisual.

A mistura de um conteúdo ficcional com conteúdos feitos por grandes nomes do site, pode gerar o diferencial que procuram. Além disso, existe o fator de público. Mesmo com uma boa audiência, poucos países recebem o serviço. Algo que deve mudar até o final do ano, já que a própria empresa anunciou liberar o YouTube Red para 100 países até o final do ano. Nisso, o YouTube, já muito grande mundialmente, tem grandes chances de crescer ainda mais.

Teve alguma dúvida na leitura? Então, deixe nos comentários abaixo e aproveite para compartilhar este artigo nas suas redes sociais.
Preparamos um e-book gratuito para você otimizar o seu YouTube. Clique abaixo e faça o download.

Fontes: 1 e 2

Facebook Comments Box
4 de outubro de 2021

Como ganhar dinheiro no Kwai: 4 Formas Definitivas Para Lucrar

Você provavelmente já viu algum vídeo do Kwai na internet, pois a rede social se popularizou em pouco tempo no Brasil e hoje já conta com milhões de usuários. Dentro…

29 de julho de 2021

Inteligência artificial do Facebook vai barrar perfis de crianças

O Facebook tem se empenhado em relação às políticas de proteção a crianças e adolescentes em suas plataformas. E agora, a rede social está implementando inteligência artificial para barrar perfis…

27 de julho de 2021

Campanha do Agasalho: ajude a aquecer o inverno de quem precisa

Com invernos cada vez mais rigorosos, torna-se indispensável falar das campanhas que amparam quem precisa de ajuda nesta estação tão fria. Afinal, uma campanha do agasalho pode ser promovida tanto…

26 de julho de 2021

Dia dos avós: conheça 3 influenciadores que estão na terceira idade

Enquanto millennials e GenZ estão em lados apostos, a terceira idade aproveita o melhor das redes sociais. Falando sobre assuntos diversos e levando internautas à descontração, os vovozinhos da internet…

Assine nossa newsletter e receba novidades!