Aprenda a produzir um vídeo de qualidade com pouco dinheiro


O YouTube de hoje em dia não é o mesmo de cinco ou dez anos atrás. A plataforma se tornou algo profissional. Por isso ter uma produção de vídeo de qualidade é fundamental.

Sim, o conteúdo continua sendo o mais importante e isso nunca vai mudar. No entanto, a estética jamais pode ser ignorada.

O conteúdo audiovisual deve ser bom. Seja um filme, uma série, uma propagada ou um vídeo no YouTube, deve conter sempre pelo menos três fatores: narrativa, imagem e som. 

A narrativa é o conteúdo do vídeo, enquanto som e imagem são as partes técnica e estética. Óbvio que existe exceções. Whindersson Nunes é uma delas.

Porém o caso dele é muito particular, pois ele é engraçado, carismático, faz imitações e entrou na plataforma em uma época com muito menos pessoas produzindo conteúdo. Atualmente, o YouTube tem uma concorrência absurda. Então todo influenciador tem que tentar se diferenciar de todas as formas possíveis.

Essa competição torna ainda mais complicada a vida de youtubers iniciantes. E isso porque, na maioria das vezes, eles não têm muito dinheiro para investir em equipamentos. Nesse caso, a melhor opção é partir para a gambiarra usando produtos mais baratos.

Câmera

Muitas pessoas têm a ideia equivocada de que a câmera é o mais importante para gravar um bom vídeo. Lógico que um vídeo de qualidade é essencial. Entretanto não é necessário comprar a melhor e mais cara câmera do mundo para isso.

Hoje, qualquer smartphone médio consegue ter uma resolução de qualidade. Dois fatores mais importantes que a câmera são: áudio e iluminação.

Ninguém consegue assistir a um vídeo se o som estiver ruim. E isso porque ele é o principal canal para compreensão do conteúdo. Já a iluminação, interfere diretamente na qualidade da imagem. Até a melhor câmera terá uma resolução abaixo se o vídeo não tiver a luz ideal.

Áudio

Sem dinheiro para comprar um microfone de lapela ou uma shotgun, há duas possibilidades para ter um áudio que não espante o espectador.

A primeira é usar um fone de ouvido com microfone. Pode escondê-lo por dentro da camisa e prender a parte do microfone com um clipes ou algo parecido. Ele funcionará como uma lapela.

A segunda opção é gravar bem próximo da câmera ou celular, pois esses equipamentos já contam com um microfone neles. Mas como a qualidade dessa captação de áudio não é tão boa para gravar sons muito distantes. E como a iluminação interfere na imagem, o acústico do local pode atrapalhar a qualidade do som.

O principal problema é sempre o eco, que acontece quando a voz da pessoa bate na parede e volta. Por isso, quanto mais vazio for o local, maior será o eco.

Uma boa opção para solucionar esse problema é tentar “forrar” o quarto com edredom e colchão, evitando assim que a voz bata na parede e volte, o que tornará o áudio mais limpo e qualificado.

Iluminação

Iluminação profissional, na maioria das vezes, é ainda mais cara do que o áudio. E nesse caso, é necessário fazer testes antes de começar a gravar, sempre verificando a qualidade de imagem e se tem sombra onde não deveria.

Há algumas opções baratas. A primeira é a luz natural, que sempre deve estar de frente para o influenciador. Se ela ficar atrás dele (e de frente para a lente da câmera), a pessoa ficará escura. Mas se não há a possibilidade de gravar durante o dia (seja por falta de local adequado ou por ter apenas a noite como opção disponível), há duas possibilidades.

  • luzes de led que podem ser encontradas por preços bastante acessíveis;
  • o refletor colortran (500 ou 1000 watts, dependendo do tamanho cenário) vendido em lojas de luminárias ou até mesmo nas de materiais de construções. Essa iluminação não deve passar de 50 reais.

Independente da luz escolhida, sempre tome cuidado para ela não entrar em contato direto com a lente. No caso do colotran, ela não pode ficar virada para a pessoa que estiver gravando também. Como é muito forte, ela deixaria o influenciador avermelhado, além de esquentá-lo demais.

O correto é direcionar o refletor para a parede, pois dessa forma a luz volta difusa, uma iluminação mais agradável e que não vai atrapalhar a resolução da câmera.

Foco, enquadramento e cenário

Há ainda outros detalhes importantes para um vídeo de qualidade. Não existe um padrão nem uma regra para o cenário, mas é importante pensar em um fundo que faça sentido para o canal e que deixe a imagem mais bonita e atrativa.

E sempre tome cuida com questões fotográficas do vídeo como enquadramento, foco e profundidade. Os dois primeiros podem ser regulados na própria câmera ou celular, enquanto para ter profundidade é fundamental ficar o mais longe possível da parede de fundo.

Uma boa combinação de foco e profundidade é: ficar distante do fundo e desfocá-lo, deixando assim o foco todo no influenciador.