5 dicas para tratar as cores do seu vídeo


Ao gravar um vídeo, é comum o arquivo capturado pela câmera não ficar com o visual que pensamos inicialmente, como se a imagem ainda estivesse “crua”. Porém, há uma forma de aperfeiçoar seu vídeo e tratar cores.

Neste post você encontra 5 dicas de como fazer um bom ajuste e tratamento das cores, deixando o seu material muito mais interessante.

1. Iluminação

Antes de mais nada, é muito importante que você compreenda qual é o melhor cenário para gravar seus vídeos. E também como está a iluminação neste espaço.

Para conseguir uma imagem de qualidade no seu canal é necessário, primeiro, criar uma boa iluminação no ambiente. As imagens capturadas por sua câmera não ficarão impressionantes apenas com adições de filtros de cores ou ajustes na pós-produção.

É igualmente relevante que se desenvolva uma boa composição de luz em sua cena. E para isso não é preciso gastar muito com equipamentos. Atentar-se às sombras ou aos locais onde a luz estoura já poderá fazer uma grande diferença.

2. Relação entre Tipo de Câmera x Correção de Cores

Corrigir as cores do seu equipamento antes de iniciar a gravação é de grande importância. Logo, é recomendável pesquisar sobre seu modelo de câmera. E, claro, verificar quais formatos ou perfis de cores podem ser mais adequados a sua filmagem.

Sabendo que a sua máquina pode estar registrando as imagens com predominância de tons mais quentes ou mais frios, você terá um controle muito maior do efeito que quer transmitir em seu material. Após entender os perfis de cores na sua câmera, torna-se mais fácil identificar as características presentes na filmagem.

Além disso, é possível mexer nas sombras, contraste, saturação, entre outros aspectos antes de iniciar a pós-produção.

3. Ferramentas do Adobe Premiere Pro

Após se atentar a todos os aspectos da gravação das imagens do seu material, a filmagem é levada para programas de edição. Neles é possível acrescentar efeitos, alterar aspectos visuais e muitos outras funcionalidades.

O programa Premiere Pro da Adobe é muito útil. Ele segue como um dos mais utilizados na pós-produção de conteúdo por diversos influenciadores com canais no YouTube.

Em sua aba de ferramentas é possível encontrar a opção “window”. Depois basta escolher “workspace” e “color correction“. E, em seguida, clicar no botão RGB e, assim, ter acesso aos scopes.

Vale apontar que o que significa cada quadro que surge em tela: Waveform é luminância, Vectroscope é a crominância e Parede trata-se dos registros das cores verde, vermelho e azul. Nestas ferramentas, você pode conferir o resultado das alterações que fizer diretamente na imagem do seu vídeo.

4. Lumetri Color

Dentro do próprio Premiere Pro é possível encontrar também a ferramenta Lumetri Color. Ela é muito famosa entre youtubers e suas produções.

Além disso, o Lumetri apresenta 5 opções de tratamento de cores, sendo possível alterar:

  • temperatura e coloração das imagens na aba de “Balanço de Branco“;
  • exposição e saturação na aba de “Tom“, inserir filtros em “Criação“;
  • aumentar ou diminuir a intensidade das cores em “Curvas“;
  • regular as sombras, tonalidades médias ou realces em “Disco de Cores“.

5. Tratar cores pretas para depois reparar os tons médios

Profissionais da área audiovisual e mídia aconselham regular a cor preta em primeiro lugar. E isso porque assim ganha-se uma base estrutural para poder balancear os demais tons da sua imagem.

Os tons médios não afetam muito o branco e o preto. Por isso, trabalhá-los por último pode se r evelar uma decisão acertada. Caso aumente estes meio tons, poderá perder a saturação da sua imagem. Assim caso este não seja o efeito que deseja, é melhor atentar-se às demais aplicações.

Fontes: 1 e 2